FIQUE SÓCIO!
Campanha Salarial
COMPARTILHAR

Sindicato reforça luta por direitos e data-base

Por Auris Sousa | 29 out 2019

Companheiros da Metalforja estão entre os trabalhadores que estão mobilizados em defesa da Convenção Coletiva

Os metalúrgicos do estado de São Paulo estão em contagem regressiva na Campanha Salarial 2019. A data-base da categoria é nesta sexta-feira, 1º, e o Sindicato alerta os companheiros e companheiras de Osasco e região para ficarem atentos a qualquer chamado da diretoria, seja para avaliar contraproposta ou indicativo de greve.

Até o momento os grupos patronais não apresentaram nenhuma proposta frente a nossa pauta de reivindicações. A exceção é o Grupo 3 (Autopeças), que tem participado de negociações e a Convenção Coletiva vale por dois anos.

“A expectativa é que nos próximos dias, a gente receba alguma contraproposta. Isso significa que, juntos, teremos que avaliar, votar e decidir se vamos ou não aceitar”, explica o secretário-geral do Sindicato, Gilberto Almazan. 

Se as propostas não atenderem aos interesses dos trabalhadores, a pressão vai aumentar cada vez mais nas fábricas. O mesmo vai acontecer se nenhuma for feita.

A campanha salarial é unificada entre os 53 sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos do Estado de SP, representando em torno de 800 mil metalúrgicos. Veja abaixo alguns itens da pauta de reivindicação, que os metalúrgicos de Osasco e região também ajudaram a construir durante os seminários organizados pelo Sindicato.

Leia também: