FIQUE SÓCIO!
Notícias
COMPARTILHAR

Cinco cidades da região estão na campanha contra o sarampo

Por Auris Sousa | 26 jul 2019

A Secretaria de Estado de Saúde incluiu Osasco, Barueri, Carapicuíba, Santana de Parnaíba e Taboão da Serra na campanha de vacinação contra o sarampo devido à circulação do vírus nestas cidades. A ação vai até 16 de agosto e o público-alvo são jovens com idade de 15 a 29 anos, considerada mais vulnerável a infecções devido a menor procura pela segunda dose da vacina.

A vacina é único método eficaz de prevenção contra o sarampo

O sarampo é uma doença grave e que pode levar à morte, mas pode ser evitada pela vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, rubéola e caxumba. Por isso compareça ao posto de saúde mais próximo de sua casa e vacina-se.

A faixa etária escolhida para a campanha deste ano é considerada a mais vulnerável a infecções por causa da menor procura pela segunda dose da vacina. Até os 29 anos, a recomendação é tomar duas doses do imunizante. Entre 30 e 59 anos, a pessoa deve ser vacinada uma vez. Para quem não sabe se já tomou o número adequado de doses da vacina, a orientação é se vacinar.

Quem já teve sarampo não precisa se vacinar, pois já possui os anticorpos para que a doença seja evitada.

Fique de olho nos sintomas

Os sintomas iniciais apresentados pela pessoa que contrai o sarapó são: febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular, coriza e congestão nasal e mal estar intenso. Após estes sintomas, há o aparecimento de manchas avermelhadas no rosto, que progridem em direção aos pés, com duração mínima de três dias. São comuns lesões muito dolorosas na boca.

Transmissão

A transmissão ocorre diretamente, de pessoa a pessoa, geralmente por tosse, espirros, fala ou respiração, por isso a facilidade de contágio da doença. [Foto: Agência Brasil] 

Leia também: