FIQUE SÓCIO!
Notícias
COMPARTILHAR

Começa 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra mulheres

Por Auris Sousa | 28 nov 2018

Desde domingo, 25, o mundo está engajado na campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres, promovida anualmente pela ONU (Organização das Nações Unidas). O objetivo da campanha é alertar sobre a necessidades de ouvir e acreditar nas vítimas e, principalmente, colocar fim à cultura do silêncio que impede o fim do ciclo de atos violentos e abusivos contra as mulheres.

Levantamento do Ligue 180, Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência, divulgado pelo Ministério dos Direitos Humanos, revela que, no primeiro semestre de 2018, foram 994 homicídios. Desses, 27 caracterizavam-se como feminicídio (assassinato motivado pelo fato de a vítima ser do sexo feminino). Ocorreram 118 tentativas de homicídios e 547 tentativas de feminicídios.

No Brasil, a Campanha passou a ser chamada 16+5 Dias de Ativismo, pois incorporou o Dia da Consciência Negra.

Medalha Zumbi dos Palmares – Por sua atuação pela valorização da igualdade racial e pelo fim do preconceito e do racismo, a diretora Gleides Sodré vai receber na quinta-feira, 29, a partir das 18h30, a Medalha Zumbi dos Palmares da Câmara Municipal de Taboão da Serra, que fica na Estrada São Francisco, 2.013, Jardim Helena, em Taboão da Serra.

Leia também: