FIQUE SÓCIO!
Notícias
COMPARTILHAR

Fórum de inclusão destaca contratação nas metalúrgicas

Por Auris Sousa | 05 out 2016

O Fórum, promovido pela ABRH-SP Metropolitana Oeste na quarta-feira, 28, em Barueri, mostrou que a contratação de pessoas com deficiência teve inúmeras conquistas, mas que ainda temos muito o que avançar. Na região de Osasco, 966 são obrigadas a cumprir a Lei de Cotas, no entanto, apenas 42,02% atendem ao cumprimento. Enquanto isso, as metalúrgicas da região de Osasco superam as contratações, com 104,6%. Os dados foram apresentados pelo coordenador da Gerência Regional do Trabalho Ronaldo Freixeda.

4forum_inclusao

Ronaldo apresenta dados de contratação de pessoas com deficiências na região de Osasco

“Estamos aquém [do exigido por lei], estamos abaixo de 50% no que é estabelecido pela Lei de Cotas”, ressaltou Freixeda, que destacou que as metalúrgicas de Osasco e região são cases de sucesso. Por este motivo a Meritor, de Osasco, foi uma das empresas convidadas pelo Fórum para contar sua experiência na contratação de trabalhadores com deficiência.

O companheiro Fábio, que é um dos trabalhadores com deficiências empregados na metalúrgica reforçou a sua capacidade profissional. “Hoje sou montador graças ao meu esforço, minha força de vontade. Tenho nove anos de empresa e trabalho em pé. Graças à Deus não tenho dificuldades”, enfatizou.

Também esteve em destaque no Fórum o papel do RH na inclusão de pessoas com deficiência. Cabe a este setor evitar que a contratação seja apenas um mero cumprimento da Lei de Coras. Ao longo do Fórum ficou claro que a falta de informação é uma das maiores causas do preconceito e um dos principais fatores impeditivos para a inclusão social de pessoas com deficiências. Por isso a importância de disseminar a informação para derrubarmos mitos.