FIQUE SÓCIO!
EDIÇÃO # 27
COMPARTILHAR

Metalúrgicos assinam acordo com mais quatro grupos patronais

Por Auris Sousa | 27 nov 2019

A luta e organização dos metalúrgicos do Estado de São Paulo garantiram o fechamento de acordo da Campanha Salarial com mais quatro grupos patronais: Sindratar (Fundição e de Refrigeração, Aquecimento e tratamento de ar), Sindifupi (Funilaria e Pintura), Sindal (Equipamento de Cozinhas) e Sindimotor (Retifica de Motores).  Os acordos foram assinados na quinta-feira, 21, e garantem 3% de reajuste salarial para os companheiros que trabalham em fábricas ligadas a estes setores.

A luta também garantiu 6% de abono, o reajuste do piso salarial, com base no reajuste dos salários, e a renovação da Convenção Coletiva. Conforme aprovado em assembleia, que aconteceu em 8 de novembro de 2019, na sede do Sindicato, o acordo também estabelece uma contribuição assistencial dos trabalhadores beneficiados pela Convenção Coletiva a ser utilizada na luta do Sindicato na manutenção dos serviços e negociação coletiva em favor da categoria. As empresas devem descontar 4%, em três vezes (1,5% em dezembro, 1,5% em fevereiro e 1% em março) na folha de pagamento de cada trabalhador, sócio e não sócio do Sindicato.

As negociações continuam com os demais grupos patronais, junto com a comissão da Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo. Os acordos já aprovados seguirão como parâmetro.

Luta na Meritor e Construmont são exemplos

Companheiros da Construmont (Grupo 10) confiaram na luta e organização e já estão com acordo garantido

Os metalúrgicos da Meritor (Grupo 3) fortaleceram a organização e conquistaram um reajuste de 3,5%. Os companheiros da Construmont
(Grupo 10) também uniram forças com o Sindicato e conquistaram aumento de 3,5% e a renovação da Convenção. O Grupo 10 é um dos grupos
patronais que ainda não apresentaram proposta. “A luta é para que todos fechem um acordo. Caso contrário a negociação passará a ser por
empresa”, explica o secretário-geral do Sindicato, Gilberto Almazan.

Veja os acordos fechados: