FIQUE SÓCIO!
Notícias
COMPARTILHAR

Metalúrgicos da New Oldany protestam contra acidentes; Sindicato cobra prevenção

Por Auris Sousa | 29 jul 2021

Na terça-feira, 27, Dia Nacional da Prevenção ao Acidente de Trabalho, os metalúrgicos da New Oldany participaram de assembleia em protesto contra acidentes de trabalho que aconteceram na empresa. A ação aconteceu na entrada de todos os turnos e repudiou os acidentes que atingiram a mão de dois trabalhadores. Sindicato solicita fiscalização ao Ministério do Trabalho e Previdência e exige prevenção no local de trabalho.

Companheiros dos três turnos da New Oldany estão unidos por mais segurança

Segundo informações preliminares apuradas pelo Sindicato, o último acidente aconteceu em 7 de julho, quando um companheiro perdeu a ponta do dedo numa prensa. Antes disso, um outro companheiro sofreu ferimentos no dedo, ao ter o dedo prensado por duas caixas.

Trabalhadores e Sindicato exigem regularização da CIPA

As primeiras denúncias sobre os acidentes foram feitas por trabalhadores por meio do SindZap (WhatsApp do Sindicato). Em seguida, o Sindicato constatou que a empresa está com a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) irregular, já exigiu as adequações necessárias e as CATs (Comunicação de Acidente de Trabalho).

Companheiros sabem que a prevenção é o melhor caminho

“A CIPA não está funcionando. O protesto também foi para cobrar da empresa o processo eleitoral da CIPA, para que os trabalhadores possam eleger seus candidatos e ter uma CIPA atuante para trabalhar pela prevenção. Se a CIPA estivesse funcionando, provavelmente, os acidentes não teriam acontecido”, avalia o diretor do Sindicato Alex da Força.

Sindicato já solicitou fiscalização dos acidentes

Pauta de reinvindicações 

Durante a assembleia, o Sindicato também reforçou a mobilização dos companheiros para a pauta de reivindicações construída na assembleia que aconteceu no início deste mês. Além da cesta básica, os trabalhadores cobram melhorias no plano de cargos e salários, ajustes nos turnos.

Mobilização também é para que as demais reivindicações dos trabalhadores avancem

Vale ressaltar que graças a mobilização junto com o Sindicato, os companheiros já conquistaram o retorno de folgas aos sábados. “Mesmo tendo um ganho excepcional no que diz respeito às folgas aos sábados, os trabalhadores não podem baixar a guarda, pois recentemente aconteceram dois acidentes na empresa”, destacou o líder sindical José Roberto, que também conta que a unidade dos trabalhadores já resultou em avanços no plano de cargos e salários: “a empresa se comprometeu a fazer os ajustes a partir de agosto”.

 

Leia também:

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #17

Tradutor - Translator -Un Traductor