FIQUE SÓCIO!
Campanha Salarial
COMPARTILHAR

Metalúrgicos de Osasco mobilizados para defender direitos

Por Cristiane Alves | 18 set 2019

No terceiro dia de mutirão de assembleias da Campanha Salarial 2019, foi a vez dos metalúrgicos de fábricas de Osasco participarem da mobilização, na manhã desta quarta-feira, 18.

Pela manhã, o Sindicato dialogou com trabalhadores de empresas como: Danfoss, Emofer, Wegflex, Metalsa, Conformetal, Croni, Meritor, Liceu, Belgo, entre outras. Só no dia de hoje, a mobilização alcançou 3 mil metalúrgicos.

Nas portas de fábrica, a mensagem da diretoria é clara: ou defendemos a Convenção Coletiva ou vamos ficar à mercê da precarização de direitos. A última novidade do governo Bolsonaro é a intenção de congelar o salário mínimo. Bolsonaro não só acabou com a política de valorização do salário mínimo (que era corrigido pelo crescimento do PIB mais a inflação) como quer acabar com a correção pela inflação. O governo criou um grupo de trabalho para fazer mais mudanças na legislação. Além disso, em agosto foi aprovada no Congresso uma mini-reforma trabalhista, que intensifica a retirada de direitos já instituída pela reforma realizada pelo governo Temer em 2017. Foi essa reforma que, por exemplo, abriu a possibilidade de todas as funções numa empresa serem terceirizadas. Só que isso não pode acontecer na nossa categoria porque nossa Convenção Coletiva proíbe.

Amanhã tem mais mutirão de assembleias, desta vez, nas empresas de Jandira e Itapevi. Em todas as assembleias, a diretoria também convoca a categoria para a assembleia que acontece neste sábado, 21, para avaliar a pauta de reivindicações a ser entregue aos grupos patronais. 

Os mutirões de assembleia começaram na semana passada e já mobilizaram em torno de 10 mil metalúrgicos da nossa base territorial. A luta está apenas começando, já que nossa data-base é em 1º de novembro. A nossa Campanha Salarial é unificada e reúne 53 sindicatos vinculados à Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, filiada à Força Sindical.

Leia também: