FIQUE SÓCIO!
Jorge Nazareno
COMPARTILHAR

Venha para a luta!

Por Jorge Nazareno - Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região 26 jun 2018

A Pesquisa Industrial Anual-Empresa 2016, realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mostra o tamanho do prejuízo sofrido pelos trabalhadores da indústria por conta da forte retração e da política econômica do governo Temer que não privilegia o fortalecimento da indústria nacional. De acordo com a pesquisa, entre 2015 e 2016, 400,8 mil trabalhadores perderam seus empregos na indústria. O número nada desprezível fica ainda maior quando se olha a partir de 2013: desde então, 1,3 milhões de trabalhadores da indústria ficaram desempregados.

O setor que mais sentiu os prejuízos das políticas de Temer foi a indústria naval entre 2014 e 2016, o pessoal ocupado na construção de embarcações caiu de 61.543 para 31.505, uma retração de 49% no período. Por si, o número deixa claro o desmonte de um parque industrial estratégico para o país, que vinha sendo retomado nas gestões Lula e Dilma e que agora agoniza, contribuindo para o desemprego e o retrocesso no desenvolvimento nacional.

Esse quadro se soma à reforma trabalhista no desenho de uma situação de precarização e insegurança para os trabalhadores. Esse é o quadro no qual vamos dar início, ainda em julho, a organização da luta pela data-base de 2018. Vamos lutar pelo reajuste, mas, principalmente, pelas garantias da nossa Convenção Coletiva, o nosso maior escudo diante de tantos ataques. Venha para a luta, companheiro e companheira!