FIQUE SÓCIO!
Comissão Municipal da Verdade de Osasco
COMPARTILHAR

Verdade, Justiça e Reparação em Osasco

Por Auris Sousa | 26 ago 2014

TAGS

A constituição da CMVO (Comissão Municipal da Verdade em Osasco) é uma importante demonstração de compromisso com a história dos trabalhadores que lutaram contra a ditadura militar, pela democracia em nosso país.

Nosso Sindicato sofreu a primeira intervenção já em 1964. A entidade ficou nas mãos dos militares. Após a intervenção na Greve de 1968, a estimativa é que saíram presos de Osasco cerca de 600 pessoas, as quais foram levadas ao Dops (Departamento de Ordem Política e Social) e foram torturadas.

Famílias de militantes foram perseguidas. Muitos pais, mães, irmãos foram presos sem ter contra eles qualquer acusação, simplesmente por serem parentes de militantes.

Além da intervenção aos sindicatos – como ao nosso, que voltou a ocorrer em 1968 – a ditadura também se aliava aos empresários. No Dops, se encontra fichas de registro funcional de trabalhadores, que muito provavelmente foram cedidas pelas empresas aos militares.

A CMVO vai ser o espaço para se buscar o esclarecimento de fatos como estes e de muitos outros para que a história de tantos lutadores seja reconhecida, para que faça Justiça e também para que se busque reparação aos danos causados, mas, principalmente, para a geração atual e futura sempre lute por liberdade, contra qualquer forma de opressão e por um país Justo.

Por isso, se você passou por essas violações ou conhece alguém que sofreu isso, procure o Sindicato.

Jorge Nazareno

Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região

jorginho@sindmetal.org.br