FIQUE SÓCIO!
Campanha Salarial
COMPARTILHAR

Convenção Coletiva e direitos garantidos para trabalhadores do setor de máquinas (G2)

Por Auris Sousa | 24 nov 2020

Companheiros de empresas do setor de máquinas (Grupo 2) agora têm a certeza de que poderão contar com os direitos da Convenção Coletiva. Isso porque foi fechado acordo com os sindicatos patronais, o qual também garante reajuste salarial de 4,77%, a ser aplicados em janeiro de 2021 e em março de 2021.

Secretário-geral do Sindicato, Gilberto Almazan, assina acordo com Grupo 2

O acordo também garante reajuste do piso salarial e 9,50% de abono, parcelado em duas vezes. A primeira parcela deve ser paga até 30 de novembro pelas empresas que não concederem o aumento salarial. O acordo segue os parâmetros referendados pela categoria na assembleia do dia 13 de novembro, que inclui a obrigatoriedade 

de realização das homologações no Sindicato e contribuição, a ser paga pelos trabalhadores em três vezes

(1,5% em novembro, 1,5% em dezembro e 1,5% em março) para a manutenção da luta do Sindicato.

Até o momento, só os companheiros que trabalham em fábricas ligadas ao Grupo 2 e 3 estão com acordo garantido.

Por isso que a diretoria ainda vai manter a mobilização em algumas empresas. O objetivo é pressionar os grupos patronais a negociar e apresentar propostas. Caso elas não sejam feitas, a negociação vai acontecer direto com as empresas.

Leia também:

Jornal Visão Trabalhista EDIÇÃO #13

Tradutor - Translator -Un Traductor